Encontrei esse interessante teclado na internet. Leiam a matéria:

"Os teclados ergonômicos já estão espalhados pela maioria das empresas e são ítens considerados indispensáveis pelos usuários que já apresentaram algum tipo de dor nos braços ou nas mãos, em razão do uso excessivo dos computadores. Mas agora uma empresa inglesa resolveu radicalizar e ir ao extremo da "naturalidade no teclar".

O teclado Maltron, embora não seja um primor de design, foi desenhado para se adaptar com precisão ao movimento das mãos, e não o contrário. A posição das teclas diminui ao máximo o movimento e a tensão dos dedos, diminuindo o cansado e evitando o aparecimento das lesões por esforços repetitivos (LER) ou distúrbios osteomoleculares relacionados ao trabalho (DORT).

Uma das principais preocupações do projeto foi a redução do movimento dos pulsos, o local onde a maior parte das lesões aparece. Os teclado numérico, colocado ao centro, democratiza a digitação mais rápida, já que os usuários poderão escolher com qual mão preferem teclar os algarismos ou as teclas de navegação.

Apesar dos inúmeros depoimentos, garantindo que, depois que se acostuma, ninguém quer saber do antigo teclado, há outro empecilho à adoção desse "esquisito" gerador de saúde e bem-estar: ele custa perto de US$500,00, na Inglaterra. Não há representantes da empresa no Brasil."

Perguntas:

1 – Você acha que irão trazer para cá um teclado de R$ 1.500,00?

2 – Você teria espaço para colocar um teclado desse tamanho na sua mesa?

 

[]´s