– Um em cada cinco adultos entrevistados pela pesquisa The global sex survey 2005 tem de 3 a 4 transas por semana e 1 em cada 20 tem apenas uma relação sexual por semana.
– Se você pensa que os maiores atletas do sexo são os jovens, engana-se redondamente: pessoas de 35 a 44 anos têm média de 112 relações anuais contra 108 dos adultos de 25 a 34 anos e apenas 90 da garotada de 16 a 20.
– A média geral (considerando entrevistados dos dois sexos, de todas as idades, do mundo todo) de relações sexuais em um ano é de 103 bimbadas
– Os japoneses são os que menos transam: média de 45 relações por ano, contra 138 dos turcos
– As pessoas ao redor do mundo começam a vida sexual com uma idade média de 17,3 anos. Pouco mais de um terço dos entrevistados (35%) perdem a virgindade com 16 anos ou menos.
– Os mais precoces são os islandeses, que, digamos, viram gente grande com uma idade média de 15,6 anos. Os indianos estão na outra ponta do ranking: 19,8 anos é a média de idade deles quando perdem a virgindade.

Essa interessante pesquisa deixa claro que realmente os japoneses não são muito chegados a sexo. Não é a toa o tremendo tabú que existe no Japão. Até vídeos e desenhos de sacanagem são censurados com os famosos mosaicos.